Casas populares do Governo 2019: inscrições, lançamentos

Famílias de baixa renda também podem realizar o sonho da casa própria.

A expectativa é grande pelas casas populares do governo. Essas residências, construídas pelo governo municipal, estadual e federal, são exclusivas para a população de baixa renda e contam com condições especiais de pagamento.

As casas populares do governo geralmente são construídas em áreas afastadas.

Moradias populares serão lançadas em Rio Preto. (Foto: Divulgação)

O programa Minha Casa Minha Vida possibilita subsídios para quem consegue uma casa popular. Sendo assim, não é necessário se preocupar com o valor das parcelas ou de uma possível entrada no financiamento, todos os valores são ajustados a renda do morador.

Casas Populares do Governo em 2019

No Brasil, as casas populares podem ser construídos pelas três esferas do governo, em todos esses casos a Caixa Econômica Federal é o banco financiador e se compromete em facilitar o pagamento do imóvel para o comprador de baixa renda, especialmente os que fazem parte dos programas sociais do governo federal e possuem o nome no cadastro único.

As casas populares seguem um tamanho padrão, elas têm de 40m² a 50m², possuem dois quartos, um banheiro, uma cozinha e uma sala. As residências são todas de alvenaria, forradas com laje, pvc ou madeira, telhado de cerâmica, piso de cerâmica na cozinha e banheiro e azulejos na parede desses cômodos.

Em cidades pequenas essas casas são lançadas em lotes e novos bairro são formados, já em grandes centros urbanos esse tipo de residência é construída em conjuntos de apartamentos. Como a quantidade de casas ofertadas sempre é muito menor que a quantidade de compradores interessados, os imóveis são vendidos sempre por meio de um sorteio.

Habitação Popular para Beneficiários do Bolsa Família

Os beneficiários do Bolsa Família podem financiar um imóvel popular pelo Minha Casa Minha Vida sem pagar juros. O programa habitacional garante que famílias com renda de até R$1.800 financiem a casa com ajuda de subsídios do governo e sem ter que arcar com parcelas desproporcionais a renda mensal.

Quem recebe o Bolsa Família é classificado como Faixa 1 do MCMV. As famílias com renda mensal e total de até R$1.200 pagam na parcela apenas 10% do salário, ou seja, um morador de casa popular com renda de R$1.000 paga no máximo R$100 por parcela. Já quem recebe entre R$1.201 e R$1.600 deve comprometer 15% do salário com as parcelas e quem tem renda entre R$1.601 e R$1.800 tem que pagar uma parcela referente a 20% da renda total.

O financiamento da casa própria tem duração de 30 anos e se inicia no momento em que o morador pega a chave da casa. As parcelas do financiamento devem ser pagas mensalmente e sem atraso para que não haja risco de perder o imóvel. Vale lembrar que o valor das parcelas não se altera com o passar dos anos.

Inscrições para casas populares do Governo

Para ter direito ao financiamento da casa própria, o titular do Bolsa Família não pode ter financiamentos no seu nome. (Foto: Divulgação)

Para ter direito ao financiamento da casa própria, o titular do Bolsa Família não pode ter financiamentos no seu nome. (Foto: Divulgação)

Para fazer a inscrição e conseguir uma das casas populares, o inscrito não pode ter nenhum tipo de financiamento em seu nome. Sempre que as casas são lançadas em uma determinada cidade, o prazo e o local de inscrição são divulgados pela prefeitura, geralmente, não é possível fazer o cadastro pela internet.

Após realizar a inscrição para casas populares do Governo, é preciso aguardar o lançamento dos imóveis. O sorteio das casas populares é realizado publicamente e todos os inscritos participam. Os contemplados recebem a chave da nova moradia e os documentos em seu próprio nome, no entanto, vale alertar que a venda ou locação desse tipo de imóvel é proibida, sendo possível somente após a quitação.

O que esperar do Minha Casa Minha Vida 2019?

Ao longo da sua campanha para presidente, Jair Bolsonaro mencionou o desejo de mudar o nome do programa Minha Casa, Minha Vida, que tem a marca do PT. A ideia é chamar a iniciativa de “Casa Brasileira”, mas nada foi confirmado oficialmente.

Paulo Guedes,  ministro da Economia, vai liberar R$ 700 milhões para pagar dívidas com as construtoras. E como o governo federal está em ritmo de corte de gastos, o número de unidades habitacionais diminuiu consideravelmente (passou de 78 mil em janeiro de 2018 para 14 mil em janeiro de 2019.

Neste ano, o orçamento do Minha Casa Minha Vida é de apenas 4,6 bilhões, o menor dos últimos 10 anos. Para a faixa 1, o Ministério de Desenvolvimento Regional garantiu o repasse de uma verba de R$471 milhões em todo o país.

Outras formas de conseguir casa popular

Quem tem vontade de adquirir uma casa popular pode contar com os programas estaduais. O governador de São Paulo João Doria, por exemplo, prometeu a entrega de 200 moradias na cidade de Capela do Alto, que fica na região de Sorocaba. O documento para construção já foi assinado e as obras terão início em maio de 2019.

Na cidade de Pederneiras, que fica na região de Bauru, milhares de famílias se inscreveram para participar do sorteio das casas que integram o conjunto habitacional da CDHU, situado perto do bairro Cidade Nova. As inscrições seguem até 11 de abril, no Ginásio de Esportes do município. Os moradores disputam 102 casas populares, ou seja, que podem ser financiadas com parcelas baixas. A expectativa também é grande para o lançamento de 379 moradias através do programa “Minha Casa, Minha Vida”.

Em breve teremos novidades a respeito dos lançamentos do programa habitacional do Governo Federal. Fique de olho!

Avalie este conteúdo!

Avaliação média: 4.7
Total de Votos: 81

Casas populares do Governo 2019: inscrições, lançamentos

23 comentários

  • Maria de saouza santos silva:

    Fez 2 vesse. O cadastro a inda não foi comteplanda

    Responder
  • Alexsandra:

    Tenho o bolsa família recebo 241 e tenho meu nome negativado poso fazer o cadastro da casa popular não tenho outras reda

    Responder
  • Pamela Ogawa dos Santos:

    Eu recebo o beneficio Bolsa Familia e não tenho outra renda. Tenho meu nome negativado.
    Eu posso fazer o cadastro da casa
    Pois tenho dois filhos e moro na casa dos meus pais. Quero muito ter uma casa pra mim e meus filhos morarem

    Responder
  • Lucimar Gomes De Sousa:

    Tenho o cartão do bolsa família e tenho outra renda…mas tenho o nome negativado…posso comprar a minha casa porque moro de aluguel

    Responder
  • keila lorena:

    meu nome esta negativado devo um cartão da caixa um emprestimo na caixa e um cartão no bradesco
    consigo ter uma casa nessas condições pois presiso minha renda e 256 eu consigo

    Responder
  • keila lorena:

    meu nome esta negativado devo um cartão da caixa um emprestimo na caixa e um cartão no bradesco
    consigo ter uma casa nessas condições.

    Responder
  • Iranete barros:

    Sou beneficiária do bolsa familia, recebo 181.00 reais, n tenho outro tipo d renda, posso participar?
    N sei se meu nome está negativado mais creio q sim.
    Moro em uma casinha cm paredes d barro. Gostaria muito em ter uma boa moradia. Quero saber se me encaixo no perfil do programa?

    Responder
  • rosangela:

    eu recebo bolsa familia e tenho dois filhos posso me inscrever no programa de moradia do governo,moro em guarulhos e preciso….quando abre inscriçao em 2017,onde ir….

    Responder
  • Patricia paula de Morais:

    Meu benefícios foi bloqueado mesmo qdo eu fazia recadastro

    Responder
  • Giselle Souza da silva:

    Olá gostaria de ganhar uma casa do governo, sou de Alagoas, quando vai está realizando as inscrições,e em qual lugares?

    Responder
  • Ana Maria Medeiros nogueira:

    Trabalho pó conta e faço bicos tenho uma baixa renda também recebo a bolsa família graças a Deus vai dar pra mim poder pagar as minhas parcelas se eu conseguir moro com minha filha um pouco com uma e um pouco com outra quero ter minha casinha fico muito grata conseguir

    Responder
  • vilma santos:

    Como posso conseguir a casa e que documento preciso para levar na prefeitura?

    Responder
  • miralva de Jesus Souza:

    Sou beneficiária do bolsa família e fiz o cadastro para o programa minha casa minha vida e nunca obtive bem uma resposta,je se pSsou 9 anos que fiz a incricao todos os anos eu entro no site da Cohab para faze a atualização,mas nunca recebi nem um e-mail nem um telefonema para falar respeito do mesmo.SÓ fico na expectativa de um dia sair do aluguel e ter meu cantinho eu e meus filhos.alguém air pode me dizer se vai demorar ainda?porque 9 anos estou na espera.

    Responder
  • SUELEN ALONSO:

    como faço a inscrição ?? aonde?? qual link?

    Responder
  • rosana:

    tenho que ter bolsa familia pra me inscrever??

    Responder
  • Rafaela:

    Eu moro de aluguel só quem trabalha é meu marido não tenho condições para pagar aluguel

    Responder
  • Bianca Ferreira:

    eu gostaria de participar como faço ?

    Responder
  • Fernanda:

    Não noite, mim chamo Fernanda eu gostaria de saber se eu posso fazer parte desse programa. Eu recebo bolsa e não tenho o nome negativo

    Responder
  • Maria. Jose pereira neto:

    Moro de favor. Ficaria muito feliz se conseguise ganhar uma casa

    Responder
  • caroline leal:

    oie tenho meu nome negativado , posso me cadastrar no programa das casas populares ?

    Responder
  • Camila:

    Como eu faço pra ver ou resultado do sorteio

    Responder
  • Joyce barbosa:

    Não tenho bolsa família mais moro de aluguel queria muito ganhar uma casa tinha como eu participar

    Responder
  • Pamela:

    Como faço para ganhar minha casa minha vida que você recebo Bolsa Família

    Responder

Comente