Cronograma de Desligamento Sinal Analógico 2018: veja as datas

Confira os agrupamentos e as respectivas datas de desligamento do sinal analógico.

O cronograma de desligamento sinal analógico 2018 já pode ser consultado pelos brasileiros. Ele reúne as datas e os agrupamentos de municípios que funcionaram apenas com sinal digital no próximo ano. Confira!

A migração de sinal analógico para digital está acontecendo gradualmente no Brasil. Para quem não sabe, essa tecnologia garante mais qualidade de som e imagem nas transmissões de canais abertos. A primeira cidade brasileira a ter o sinal analógico desligado foi Rio Verde (GO), em fevereiro de 2016.

O Cronograma de Desligamento sinal analógico 2018 já pode ser consultado.

As cidades que terão o sinal analógico desligado em 2018 já foram definidas. (Foto: Divulgação)

Até o final de 2018, o Ministério da Ciência, Tecnologia, inovações e Comunicações espera desligar o sinal analógico em 1,3 mil municípios. Isso se o calendário não sofrer adiamentos, como aconteceu em 2017.

Para que o sinal analógico seja desligado em uma determinada localidade, a Agência Nacional das Telecomunicações (Anatel) exige que pelo menos 93% dos domicílios estejam preparados para receber a tecnologia digital.

Quem possui TV com conversor digital embutido não precisa se preocupar, desde que tenha uma antena UHF instalada em casa. Em contrapartida, os proprietários de televisores antigos devem providenciar não só a antena adequada, mas também um conversor digital. Somente com esses equipamentos será possível adaptar o televisor antigo.

As adaptações na TV devem ser realizadas antes do desligamento do sinal analógico no município. Caso contrário, a família corre o risco de ficar sem acesso aos canais da TV aberta.

Cronograma de Desligamento sinal analógico 2018

Em maio de 2017, o Ministério das Comunicações divulgou o novo calendário de desligamento do sinal analógico. A publicação foi feita no Diário Oficial da União (DOU).

O cronograma de desligamento sinal analógico 2018 já foi definido. No entanto, se houver adiamentos, as datas serão alteradas.

Cidades de diferentes estados deixarão de receber sinal analógico no próximo ano. Confira os agrupamentos:

Desligamento em 31 de janeiro de 2018

  • Curitiba/PR
  • Florianópolis/SC
  • Porto Alegre/RS

Desligamento em 28 de março de 2018

  • Bauru/SP
  • Presidente Prudente/SP
  • São José do Rio Preto/SP
  • São Luís/MA

Desligamento em 30 de maio de 2018

  • João Pessoa/PB
  • Maceió/AL
  • Manaus/AM
  • Teresina/PI
  • Aracaju/SE

Desligamento em 28 de novembro de 2018

  • Natal/RN
  • Boa Vista/RR
  • Campo Grande/MS
  • Cuiabá/MT
  • Macapá/AP
  • Palmas/TO
  • Paraná (Oeste do Estado)
  • Porto Velho/RO
  • Rio Branco/AC
  • Rio de Janeiro (interior)
  • Rio Grande do Sul (Sul do Estado)
  • São Paulo (interior)

Desligamento em 5 de dezembro de 2018

  • Blumenau/SC
  • Jaraguá do Sul/SC
  • Joinville/SC
  • Campina Grande/PB
  • Dourados/MS
  • Caruaru/PE
  • Petrolina/PE
  • Rondonópolis/MT
  • Feira de Santana/BA
  • Vitória da Conquista/BA
  • Governador Valadares/MG
  • Juiz de Fora/MG
  • Uberaba/MG
  • Uberlândia/MG
  • Imperatriz/MA
  • Marabá/PA
  • Mossoró/RN
  • Parnaíba/PI
  • Santa Maria/RS

Para conferir com mais detalhes as cidades que fazem parte de cada agrupamento, você deve acessar o Diário Oficial da União. Na publicação do dia 29 de maio de 2017, você deve encontrar as páginas 15 e 16.

Kit de TV digital grátis

Beneficiários do Bolsa Família podem solicitar o kit digital gratuito. (Foto: Divulgação)

Nem todos os brasileiros podem comprar antena e conversor. Reconhecendo essa realidade, a entidade Seja Digital resolveu distribuir kits gratuitos de TV digital em todo o país. O equipamento é fornecido de graça para as famílias inscritas nos programas sociais do Governo Federal.

Os beneficiários do Bolsa Família podem solicitar os kits. Para isso, basta acessar o site Seja Digital, consultar a disponibilidade no município e realizar o agendamento.

Muitas cidades não aparecem no cronograma de desligamento sinal analógico 2018. Nesse caso, a migração deverá acontecer até 31 de dezembro de 2023.

E aí? Restou alguma dúvida? Deixe um comentário.

Comente