Valor do Bolsa Família 2019: entenda como é calculado

A quantia recebida por cada família varia de acordo com a composição do núcleo familiar.

O valor pago pelo Bolsa Família varia de acordo com a composição do núcleo familiar e não se sabe ainda se terá reajuste em 2019. O benefício é concedido apenas para brasileiros de baixa renda, que após serem cadastradas no programa, recebem mensalmente do governo federal uma quantia em dinheiro e de uso livre.

O valor do Bolsa Família varia de acordo com a composição da família. (Foto: Divulgação)

O valor do Bolsa Família varia de acordo com a composição da família. (Foto: Divulgação)

O Bolsa Família tem como principal objetivo acabar com a extrema pobreza no Brasil e erradicar a fome, proporcionando a todas as famílias o direito à alimentação digna. O programa visa complementar a renda de maneira justa, por este motivo, o valor pago pelo Bolsa Família não é igual para todos. Os responsáveis pelo programa consideram a quantidade de integrantes da família, a idade de cada um e a renda mensal dos mesmos.

Valor do Bolsa Família por pessoa

O benefício é dividido entre Básico, Variável, Variável Para Jovem e Superação da Extrema Pobreza. Os inscritos no Bolsa Família são imediatamente enquadrados em um desses quatro grupos. A classificação é feita com base nos principais dados sobre a família. Sendo assim, o valor total da bolsa é calculado por pessoa e quanto mais integrantes houver na família, maior será a quantia recebida mensalmente.

É preciso entender os critérios de renda para verificar em qual grupo a sua família se encaixa e o quanto será o valor do Bolsa Família:

  • Extremamente pobres: Famílias com renda de até R$ 89,00 por pessoa.
  • Pobres: Famílias com renda de R$ 89,01 e R$ 178,00 por pessoa.

Cálculo do Bolsa Família

Há quatro categorias para o benefício. (Foto: Divulgação)

Há quatro categorias para o benefício. (Foto: Divulgação)

As famílias são classificadas nos grupos de acordo com a renda mensal e a idade dos integrantes da família, confira como é calculado e qual o valor pago por pessoa em cada grupo:

  • Básico: Pago para famílias em situação de extrema pobreza, independente de quantos membros há na família, o valor é sempre de R$ 89,00.
  • Variável: Para famílias pobres e extremamente pobres que tenham em sua composição mulheres grávidas e menores de 15 anos. Nesse caso, é pago R$ 41,00 por pessoa, sendo que cada família só pode acumular até 5 bolsas variáveis e assim receber a quantia máxima de R$ 205,00.
  • Variável Jovem: Para todas as famílias que se enquadram no grupo variável, mas possuem em sua composição, jovens com idade entre 16 e 17 anos. Cada um dos jovens dessa faixa etária recebe R$ 48,00, mas cada família pode receber no máximo R$ 96,00 reais por mês através desse tipo de bolsa, portanto, pode acumular até dois benefícios do tipo variável jovem.
  • Superação da extrema pobreza: Para todas as famílias com renda inferior aR$ 89,00 por pessoa. O valor do benefício é calculado considerando a renda de cada família e também se os integrantes estão inclusos em alguns dos outros três grupos do bolsa família.

Valor máximo Bolsa Família

Como especificado na descrição de cada grupo, todos possuem um valor máximo, mas além disso, o valor total da quantia que deve ser recebida pela família, não deve ultrapassar R$ 372,00 por mês.

Exemplo de cálculo 1:

Maria é mãe de Wesley, Lucas, Sérgio e Francisca. Seus filhos têm, respectivamente, 3 anos, 10 anos, 13 anos e 17 anos. Ela não trabalha fora e a família sobrevive com os bicos do marido, que não dá R$300,00 por mês.

A renda per capita do núcleo familiar de Maria é de R$50,00 (abaixo de R$89), portanto, ela tem direito ao Bolsa Família. Ela recebe o benefício básico (R$89,00), mais três benefícios variáveis (R$123) por causa dos seus filhos pequenos e um benefício variável jovem, por causa do adolescente (R$ 41).  O valor total do Bolsa Família é de R$253,00.

Exemplo de cálculo 2:

Jacira tem cinco filhos pequenos, com idade entre 1 e 13 anos. Ela também é mãe de três adolescentes, sendo um casal de gêmeos de 15 anos e o mais velho de 17 anos. Além dos oito filhos, Jacira está grávida. A família sobrevive com o salário de Pasqual, marido de Jacira, que não chega a R$400.

A renda per capita de Jacira é de R$40,00 e por isso ela se tornou titular do Bolsa Família. O governo paga, todo mês, o benefício básico, cinco benefícios variáveis e dois benefícios variável jovem. A família recebe, portanto, o teto de R$ 372,00.

Mudança no valor

O reajuste do valor pago para as famílias através do benefício, é feito conforme os dados das famílias se alteram, ou seja, quando a família deixa de ser extremamente pobre, o valor do Bolsa Família diminui, quando um dos adolescentes completam 16 anos o valor aumenta, e assim por diante. Tudo conforme as regras de pagamento estabelecidas em cada grupo.

O Bolsa Família só deixa de ser pago, se for constatado que a família deixou de ter a renda máxima para a participação no programa, que é de até R$ 178,00. Além disso, ele pode ser suspenso, caso haja crianças em idade escolar na família beneficiada pelo programa, e essas não estiverem frequentando a escola regularmente.

Para não deixar de receber o auxílio do governo federal, cada família contemplada pelo programa precisa se preocupar em atualizar o cadastro pelo menos a cada 24 meses. A atualização dos dados deve ser realizada pessoalmente, em um dos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS) ou no setor da prefeitura responsável pelo CadÚnico.

Reajuste do Bolsa Família

Em 2016, quando assumiu a presidência da república, logo após o impeachment de Dilma Rousseff, Michel Temer autorizou um reajuste de 12,5%, um porcentual que ficou acima do prometido pela ex-presidenta. Em julho de 2018, o valor foi reajustado novamente em 5,67%.

O presidente eleito, Jair Bolsonaro, ainda não se pronunciou a respeito do próximo reajuste no programa. Vale lembrar que, durante a sua campanha, ele prometeu pagar uma espécie de décimo terceiro aos beneficiários.

E aí? Ficou alguma dúvida sobre o valor do Bolsa Família em 2019? Comente!

Avalie este conteúdo!

Avaliação média: 4.63
Total de Votos: 16

Valor do Bolsa Família 2019: entenda como é calculado

19 comentários

  • Solange neri da silva:

    Eu tenho três crianças E fazendo o cálculo era para eu receber mais mais so recebo como se fosse uma criança e ai

    Responder
  • Janine:

    Sou desempregada, tenho um filho de 13 anos e um de 8 meses, meu esposo tem uma renda de 1800 a 2000 reais/mês, ele é motorista, trabalha em supermercado, moramos de aluguel com um valor de 300,00 reais/mês… Minha pergunta é: Eu consigo pegar o benefício do bolsa família????

    Responder
    • Eli Gomes da Siva:

      nao. nao esta dentro do perfil de pobreza e extremamente pobre

      Responder
  • Charles:

    Tem pessoas que recebem acima de 600,00. Como isso é possível?

    Responder
  • EDCLECIA ANDRADE DOS SANTOS:

    Qual o valor que devo receber no bolsa família sendo que minha renda mensal de 66 reais por pessoa. E minha familia é composta por Eu com 25 anos e meus dois filhos uma menina de 8 e um menino de 3?

    Responder
  • Ângela Lima:

    Eu estou desempregada minha renda é de 250 por mês tenho um filho, qual valor que devo receber do bolsa família?

    Responder
  • Cristiane Duarte:

    Pelos cálculos no caso eu deveria receber 124,00 pq meu benéfico veio 39?

    Responder
  • Pati:

    Sou concursada recebo 1 salario minimo meu marido é desempregado e tenho 3 filhas .Fiz o calculo e a renda por pessoa ficou 187.40 mas eu faço faculdade federal Esse motivo da faculdade ajuda na possibilidade de receber o bolsa ? Por que depois desse aumento de salario cortaram o bolsa familia mas teve aumento no gás entre outras coisas e a faculdade me consome muito acho que eu deveria receber .

    Responder
    • Fernanda:

      para receber o bolsa família atualmente, a família tem que ter uma renda per capita no valor de ate 170 reais

      Responder
  • Roberta louize filipczak:

    Tenho 3 filhas uma de 6 /5 e 1 ano quando só as de 6 e 5 recebiam eu pegava 147 agora que coloquei a bebê estou pegando 117.sendo que minha renda per capita é 140 por pessoa.incluindo eu e meu esposo.Esse valor está certo ,se não tiver como faço pra arrumar?

    Responder
  • Neide:

    Tenho três crianças, estou desempregada, meu marido trabalha e recebe 2.000,00.
    pagamos 650,00 de aluguel e 100,00 de água e luz, eu tenho direito ao bolsa familia?

    Como é feito esse calculo?

    Responder
  • Ilma Rodrigues:

    Eu trabalho e recebo 1,200 por mês,meu marido está desempregado,tenho 2 filhas,uma de 6 anos e 1 de 14 anos,pago 800 de aluguel,tenho direito no bolsa família?

    Responder
  • Mara suelen:

    Olá eu estou desempregada e meu esposo também temos dois filhos um de 10 anos e um de 1 ano meu esposo presta serviço pra firma q trabalhou ele e montador de moveis mais o menos ele com segue tira uns 800 reais nem sempre tem serviço esse valor e quando tem muita montagem .eu gostaria de saber se eu tenho direito a bolsa família e qual valor ???

    Responder
  • Nara:

    Tenho uma bebê de 3 meses e estou desempregada. Não tenho renda extra só o meu marido trabalha mais pagamos aluguel de 400 reais fora outras contas como água luz gás etc. Será que tenho direito ao bolsa família? Quanto eu pegaria?

    Responder
  • Luana Oliveira Costa:

    Tenho oito filhos minha renda de 104 pra cada quanto vou receber de bolsa família

    Responder
  • Jussara Primila:

    Boa tarde
    Eu tenho dois filhos pequenos
    Eu e meu esposo estamos desempregados e meu bolsa familia antigamente vinha 341 e atualmente ela esta vindo 171
    O que houve para diminuir tanto

    Responder
  • PRISCILA GARCIA:

    Minha renda percapita está marcada como 64,00.moramos apenas meu filho de 12 anos e eu…recebo 41,00. Está correto? ?

    Responder
  • Viviane Aparecida Inácio:

    Na minha casa mora eu e meus dois filhos, de 10 anos e 06 anos, minha renda per capita é de 116 reais , eu recebia 123 agora vou receber 82 . O que aconteceu ?

    Responder
  • Talita:

    Gostaria de saber se for aprovada qual valor devo receber a renda per capita da família é de R$200 e moro eu com 30 anos e meus dois filhos um de 5 anos e o outro de 12 anos?

    Responder

Comente