Agendar carteira de trabalho: passo a passo para fazer o documento

É possível agendar Carteira de Trabalho pela Internet, telefone ou aplicativo

Os brasileiros podem agendar carteira de trabalho através do site oficial do MTE, por telefone, presencialmente ou através do aplicativo CTPS Digital. A emissão do documento é gratuita e ficou menos burocrática nos últimos tempos, graças à tecnologia.

Para prestar serviço em regime de CLT, você precisa da carteira de trabalho.

Para você que está procurando emprego, o primeiro passo é tirar a Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS). Este documento, quando assinado pelo empregador, pode possibilitar ao empregado o reconhecimento de direitos trabalhistas fundamentais como o seguro-desemprego e a aposentadoria, visto que é na carteira onde contém os registros dos empregos do trabalhador.

E apesar de ser um documento muito procurado pelos cidadãos, sobretudo em tempos de crise de desemprego, o Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) criou um sistema de agendamento online com o objetivo de facilitar a retirada da Carteira, o que tem evitado as longas filas nas unidades de serviço ao cidadão.

Para agendar a carteira de trabalho é muito simples. Basta seguir o passo a passo abaixo:

Agendamento pela Internet

Passo 1: Inicialmente é necessário acessa o site oficial do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), (www.trabalho.gov.br)  e clicar no botão ‘Atendimento agendado’, localizado na coluna à esquerda da tela.

Passo 2: Será aberta uma nova página (o Sistema de Atendimento Agendado – SAA), onde você irá preencher os campos destinados à informações sobre o local em que deseja ser atendido presencialmente. Em seguida o botão ‘Prosseguir’ deve ser clicado para dar continuidade ao agendamento.

Passo 3: A próxima tela destina-se ao preenchimento dos dados pessoais como número do CPF do requerente, data de nascimento e um telefone para contato. Novamente clique no botão ‘Prosseguir’.

Passo 4: Neste último passo, um calendário com prováveis de datas e horários de atendimento será aberto para que você possa marcar o melhor dia para ser atendimento em uma unidade.

Caso você não possa comparecer no dia e hora marcados, é possível realizar o reagendamento seguindo os mesmos passos acima.  Basta clicar a opção ‘Reagendar’ dentro do Sistema de Atendimento Agendado – SAA.

Vale destacar que alguns municípios não estão cadastrados para o agendamento online. Caso seja este o seu caso, é necessário comparecer a uma unidade do Ministério do Trabalho e Emprego mais próximo, portando documentos de identificação para realizar o agendamento, ou ligar para o telefone 158.

Agendamento por telefone

É possível fazer o agendamento também pelo telefone 158, no atendimento ao cidadão do MTE, ‘Alô trabalho’. Para tanto, é importante que você esteja portando seus documentos de identificação como RG e CPF.

Por meio deste número de telefone ainda, o cidadão pode ter acesso a outras informações como:

  • Dados referentes à Carteira de Trabalho;
  • Sobre Seguro desemprego;
  • Abono Salarial;
  • Dúvidas sobre Legislação trabalhista;
  • Ouvidoria (espaço para reclamações e sugestões).

Atendimento presencial

Para retirar a carteira de trabalho o cidadão não precisa pagar nada. Basta comparecer a uma unidade de atendimento ao cidadão, no dia e horário agendados, e apresentar os seguintes documentos:

  • Comprovante de residência atualizado (conta de água, luz   , telefone, etc.);
  • Documento de identificação original;
  • CPF original;
  • Comprovante de estado civil como certidão de nascimento (para solteiros), e certidão de casamento (para os casados).
  • Uma foto 3×4, atualizada e colorida.

2º Via da Carteira de Trabalho

Caso você necessite retirar a segunda em caso de perda ou roubo, ou até mesmo devido às más condições em que se encontra o documento, você deve apresentar os mesmos documentos necessários para tirar a primeira via, além dos seguintes:

  • Documento que comprove o número da Carteira de trabalho anterior. Neste caso por ser o número do PIS ou FGTS, ou até algum documento da empresa em que você trabalha que conste o registro daquele número;
  • A própria Carteira em caso de mau estado de uso;
  • Boletim de ocorrência em caso de roubo ou furto.

A retirada da segunda via da carteira de trabalho também será feita de forma gratuita.

O prazo para a obtenção da Carteira de Trabalho após a apresentação de todos os documentos pode variar dependendo do local onde foi solicitada a retirada. Em alguns lugares é possível receber a Carteira no mesmo dia da solicitação.

Aplicativo da Carteira de Trabalho Digital

Telas do aplicativo CTPS Digital.

Caso você necessite utilizar a Carteira para consultar alguma informação, mas não está com ela em mãos, já pode utilizar o próprio celular para realizar essa consulta. Isso porque recentemente o Ministério do Trabalho e Emprego, em parceria com o DataPrev, criou um aplicativo para dispositivos móveis, por onde é possível acessar dados da Carteira de Trabalho.

O objetivo do aplicativo é facilitar que os trabalhadores possam fazer a consulta a Carteira de Trabalho a qualquer momento, mesmo que não estejam com o documento físico em mãos. Pelo aplicativo você pode baixar Carteira, e acessar informações sobre todas as suas experiências profissionais assinadas.

Ainda é possível, pelo aplicativo, fazer solicitação da primeira ou segunda via da Carteira de Trabalho, e ter acesso as perguntas mais frequentes caso você tenha alguma dúvida a respeito.

Como baixar o aplicativo?

Para baixar o aplicativo é muito simples. Basta acompanhar os seguintes passos:

  • Acessando a loja de aplicativos do seu celular, você procura por ‘Carteira de Trabalho Digital’, e em seguida é clicar em baixar o aplicativo. O app está disponível para Android e iOS.
  • Na próxima tela você terá que entrar no aplicativo, utilizando uma senha. Caso você ainda não a possua, deverá fazer o cadastro.
  • Para criar a senha de acesso, é necessário informar sobre alguns dados pessoais como: o número do CPF, data de nascimento, estado civil, nome da mãe. É importante destacar que esses dados serão validados no Cadastro Nacional de Informações Sociais (Cnis).
  • Em seguida, o trabalhador irá responder algumas perguntas sobre suas ocupações, por isso, nesta fase, é importante que você esteja com a carteira de Trabalho na mão para acessar essas informações. Caso as respostas estejam corretas, você receberá uma senha provisória, que poderá ser substituída no primeiro acesso ao aplicativo.

Porém, caso as perguntas solicitada para o cadastro não tenham sido respondidas corretamente, e você não consiga acessar o aplicativo, é necessário ligar para central de atendimento 135 do INSS para solicitar auxílio.

Como já dito acima, é possível solicitar a primeira e segunda via da Carteira de Trabalho pelo aplicativo. Mas, para isso, não é necessário realizar a autenticação no sistema. Basta escolha uma das duas opções e preencher o formulário solicitado para o agendamento presencial. Esta solicitação é válida por 30 dias.

Restou alguma dúvida sobre como agendar a Carteira de Trabalho? Mande uma mensagem.

Avalie este conteúdo!

Avaliação média: 4
Total de Votos: 1

Agendar carteira de trabalho: passo a passo para fazer o documento

Comente