Jovem Aprendiz 2018: aprenda como fazer o cadastro

Grandes empresas brasileiras oferecem oportunidades através de programas de aprendizagem.

O Jovem Aprendiz 2018 é uma boa opção para os adolescentes que desejam trabalhar para ajudar nas despesas da casa. Muitos beneficiários do Bolsa Família vivem essa realidade e buscam por programas de aprendizagem. Entenda melhor a iniciativa e veja como fazer o cadastro.

O programa Jovem Aprendiz é uma iniciativa adotada por muitas empresas de médio e grande porte. Esse tipo de atividade tem como base legal a Lei 10.097/2000, conhecida como “Lei da Aprendizagem”. Para consultar a legislação na íntegra, basta fazer uma visita ao portal do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE).

Em busca do primeiro emprego? Então considere as vagas para Jovem Aprendiz 2018.

O programa de aprendizagem garante uma renda extra para o jovem e sua família. (Foto: Divulgação)

Como funciona o programa Jovem Aprendiz 2018?

O programa de aprendizagem é voltado para jovens de 14 a 24 anos, que estão matriculados em um curso de capacitação. Essa formação pode ser oferecida por escolas técnicas, ONGs ou pelo Sistema S (Senai, Senac, Senar ou Senat).

O aprendiz passa por aprendizagem teórica, a fim de desenvolver competências e habilidades valorizadas pelo mundo do trabalho. Ele também é encarregado de realizar tarefas práticas na empresa que o contratou. A jornada do menor aprendiz não pode exceder 6 horas por dia.

O jovem aprendiz, conforme consta da Lei da Aprendizagem, tem direito ao salário-mínimo hora. No ano de 2014, o valor vigente era de R$ 3,29 por hora trabalhada. Além disso, a atividade assegura outros benefícios, como vale-transporte, assistência médica, plano odontológico e vale-refeição.

Todos os direitos trabalhistas previstos na Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) são concedidos ao menor aprendiz. Isso significa que ele tem direito a férias remuneradas, décimo terceiro salário e FGTS de 2%.

Principais programas de Jovem Aprendiz

O aprendiz trabalha numa empresa e passa por capacitação teórica. (Foto: Divulgação)

A Lei da Aprendizagem obriga que, todas as empresas de grande e médio porte, devem contratar aprendizes. Elas são obrigadas a preencher de 5% a 15% do quadro de colaboradores com esses jovens profissionais.

Veja a seguir os programas de Jovem Aprendiz 2018 mais disputados:

Jovem Aprendiz Banco do Brasil 2018

O Banco do Brasil contrata aprendizes para integrar o seu time todos os anos. Os jovens desenvolvem atividades básicas e são orientados por funcionários mais experientes. O programa de aprendizagem BB já encaminhou milhares de adolescentes para o mercado de trabalho.

Jovem Aprendiz Caixa 2018

A Caixa Econômica Federal é uma das instituições que mais contrata jovens aprendizes no Brasil. Só em 2017, o banco recrutou 1 mil brasileiros para o seu programa de aprendizagem.

Jovem Aprendiz Bradesco 2018

Todos os anos, o Bradesco abre as suas portas para a contratação de aprendizes. A organização faz parceria com entidades qualificadas para garantir uma boa qualificação teórica aos adolescentes.

Jovem Aprendiz Correios 2018

A Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (Correios) também recruta jovens aprendizes para a sua equipe. Só no ano de 2016 foram abertas quase quatro mil vagas em todo o Brasil. A jornada é de 20 horas semanais e o salário pago ao jovem aprendiz é de R$ 413,33.

Jovem Aprendiz Itaú 2018

O Itaú, um dos maiores bancos privados do país, já contribuiu com a formação de mais de 7 mil aprendizes ao longo da sua história. A cada mês, a instituição financeira recruta em média 200 jovens para participar do seu programa de aprendizagem.

Jovem Aprendiz Petrobras 2018

A Petrobras, considerada uma das maiores companhias de petróleo do país, também trabalha com o programa de aprendizagem. Para o ano de 2018, já foram anunciadas 52 vagas no Espírito Santo, mais precisamente nas cidades de Vitória, Linhares e São Mateus.

As condições para disputar uma das oportunidades para Jovem Aprendiz Petrobras 2018 são: ter idade entre 16 e 17 anos, renda per capita de até meio salário mínimo por pessoa, não possuir registro na carteira de trabalho e estar cursando 1º, 2º ou 3º ano do ensino médio ou ter concluído (numa escola pública ou como bolsista numa escola particular).

Jovem Aprendiz Pão de Açúcar 2018

O Grupo Pão de Açúcar se destaca como uma das empresas privadas que mais empregam no Brasil. Neste início de ano, a companhia tem 250 vagas abertas para o cargo de jovem aprendiz. As oportunidades são para São Paulo, Minas Gerais, Goiás e Distrito Federal.

Cadastro Jovem Aprendiz 2018

A inscrição pode ser realizada junto a uma entidade conveniada. (Foto: Divulgação)

O cadastro Jovem Aprendiz 2018 pode ser realizado nas entidades e ONGs parceiras do programa em todo o Brasil. Dessa forma, é possível disputar vagas em milhares de empresas. Confira:

CIEE: o Centro de Integração Escola-Empresa está presente em vários estados brasileiros, com o objetivo de inserir os jovens no mercado de trabalho. Pelo site oficial é possível realizar o cadastro online, consultar as vagas abertas e participar de cursos gratuitos online.

Espro: o Ensino Social Profissionalizante reúne milhares de vagas para jovem aprendiz e estágio. As empresas e instituições de ensino que desejam apoiar o projeto podem fazer o cadastro online.

Aprendiz Legal: milhares de jovens estão transformando as suas vidas através desse projeto. O site oficial reúne oportunidades de norte a sul do país, que são oferecidas pelo CIEE e GERAR. Faça o seu cadastro.

Restou alguma dúvida sobre o programa Menor Aprendiz 2018? Deixe um comentário.

Comente